PUBLICIDADE

Professores da UEPB decidem parar, mas ainda não sabem o dia

Os professores da Universidade Estadual da Paraíba – UEPB preparam um dia de paralisação para pressionar o Governo do Estado a abrir negociações sobre a pauta de reivindicações e continuarão discutindo a campanha salarial 2018. Na próxima quarta-feira (21/03), a Associação dos Docentes da UEPB – ADUEPB realizará uma assembleia geral, no Hall da Central de Aulas, no Campus de Campina Grande, para decidir quando ocorrerá a paralisação.
A decisão de intensificar a mobilização da categoria para a campanha salarial foi tomada hoje pela manhã, durante uma assembleia da ADUEPB, no campus de Campina Grande. A direção do Sindicato apresentou um relato das ações realizadas desde o início do ano para a abertura de negociações com o Governo do Estado.
O presidente da ADUEPB, Nelson Júnior, alegou que o Governo do Estado não respeitou as negociações realizadas no ano passado entre o Sindicato e a Reitoria para viabilizar o repasse do orçamento integral da universidade em 2017 e, para este ano, estaria reduzindo os recursos para a instituição. Segundo o dirigente, as perdas salariais dos professores que já chegam a 26,42%.
Data Base
Na pauta de data-base entregue a Reitoria da UEPB e ao Governo do Estado também está inclusa, além da reposição salarial de 26,42%, a defesa da educação pública superior; Defesa da autonomia Administrativa e financeira da UEPB em conformidade com a lei 7.643 de 04 de agosto de 2004; Respeito ao orçamento da UEPB por parte do governo estadual e Investimento do governo Estadual na infraestrutura da UEPB.
Portal Arara
Fonte: parlamentopb
Tecnologia do Blogger.