PUBLICIDADE

Mãe é suspeita de estuprar filho de 4 anos e gravar violência em vídeos

Uma mulher de 19 anos está sendo investigada suspeita de estuprar o próprio filho, de apenas 4 anos de idade, e gravar as cenas de violência em vídeos, que estariam sendo repassados para uma terceira pessoa, via rede social. O fato aconteceu no município de Areia, Brejo paraibano. De acordo com a polícia, as imagens estariam sendo enviadas para um suposto companheiro da mãe do garoto.
A denúncia chegou até a polícia nessa segunda-feira (23). Os vídeos enviados à polícia mostram um adulto abusando sexualmente de uma criança, mas a identificação do suspeito e da vítima estaria difícil de ser feita porque os rostos não aparecem.
A polícia está investigando o caso e ouvindo a suspeita. Ainda nesta terça-feira (24), uma linha de investigação deve ser fechada. A expectativa da polícia é que com o material colhido possa haver o desfecho do caso rapidamente.
O Conselho Tutelar também está no caso e a primeira medida tomada foi afastar a criança da mãe. O menino foi levado para a casa da avó materna que está cuidando do garoto. Apesar da suspeita, a mãe do menino não está, judicialmente, impedida de ver o filho.
Fonte: : Com informações de Sayaka Shoji, da rádio 98 FM
Tecnologia do Blogger.