PUBLICIDADE

Bolsonaro não participa de reunião, mas governadores deixam carta solicitando audiência para tratar de temas de interesse da região

Todos os nove governadores do Nordeste estiveram hoje, quarta-feira (21), em Brasília, para um esperado primeiro encontro com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, do PSL mas o futuro chefe do executivo federal acabou não participando dessa reunião.
Apesar disso, os gestores subscreveram uma carta onde esperam a  atenção de Bolsonaro para temas considerados prioritários como segurança pública e controle das fronteiras, combate ao desemprego, crescimento econômico, retomada de obras, como a ferrovia Transnordestina e a Transposição do Rio São Francisco, política de créditos, política industrial focada no Nordeste, política de recursos hídricos e equilíbrio fiscal, incluindo a reforma da Previdência.
Do nove gestores nordestinos, sete foram reeleitos nas eleições deste ano e dois são novidades, são eles: João Azevêdo, do PSB da Paraíba e Fátima Bezerra, também paraibana, do PT do Rio Grande do Norte.
Participaram os representantes de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, além do presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira.
O futuro ministro Sérgio Moro, que também era uma das presenças aguardadas no encontro, acabou não comparecendo.
Ao final do encontro, os governadores deixaram uma carta, solicitando a permanência do Mais Médicos, entre outros pedidos, incluindo uma audiência para tratar de temas de interesse da região.

Fonte: pbagora
Tecnologia do Blogger.