MPF investiga fraude eleitoral de servidores públicos em cidades da PB - Portal Arara

Girando

domingo, dezembro 23, 2018

MPF investiga fraude eleitoral de servidores públicos em cidades da PB

Seis procedimentos foram instaurados pelo Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba para investigar eleitores da 65ª Zona Eleitoral que teriam se candidatado nas eleições de 2016 somente para usufruir da licença remunerada de três meses. As candidaturas dos investigados foram registradas nas cidades de Areia de Baraúnas, Passagem e Salgadinho.
As portarias editando os procedimentos foram assinadas pelo promotor Elmar Thiago Pereira de Alencar e publicadas na edição da última sexta-feira (21) do Diário Oficial do MPF. Os investigados são Fabiana Morais dos Santos (Areia de Baraúnas); Cláudia Ferreira da Silva (Passagem); Zulene Pereira de Lima Silva (Passagem); Adelia da Costa Nóbrega Leite (Passagem); Gilson Soares Rafael (Passagem); e Josiete Gomes da Nóbrega (Salgadinho). 
De acordo com os procedimentos instaurados, está sendo investigada a possibilidade de fraude, já que os servidores públicos teriam lançado candidatura somente para tirar licença remunerada de três meses. Os servidores teriam utilizado a licença remunerada como forma de ampliar suas férias ou até mesmo para apoiar outros candidatos.
Caso fique comprovada fraude nas candidaturas, os servidores públicos poderão ser indiciados por ato de improbidade administrativa e crime eleitoral. O prazo do procedimento é de 60 dias e tem como objetivo apurar os ilícitos eleitorais e atos de improbidade administrativa praticados pelos servidores.
Fonte: ClickPB

Páginas